Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Conta-me Histórias

' O Homem é sempre um contador de histórias. Vê tudo o que lhe acontece através delas. E, ele tenta viver a sua vida, como se estivesse contando uma. ' (Jean-Paul Sartre)

Conta-me Histórias

' O Homem é sempre um contador de histórias. Vê tudo o que lhe acontece através delas. E, ele tenta viver a sua vida, como se estivesse contando uma. ' (Jean-Paul Sartre)

Amores da Madrugada

Notas soltas, melodias de amor
por lírios roxos cantadas
às rosas murchas da madrugada;
desfolhadas por ventos mundanos
a quem, seduzidas por falsos encantos, se deram
levadas p'lo cetim vermelho
do breve toque na fragilidade do coração.

 

De pétalas frias, sombrias e hirtas no chão,
choram candidas, lágrimas de sangue
sobre a carpete encarnada, 
manchada p'la inocência roubada
na flor da juventude. 
Apaixonadas que se julgaram 
p'lo assobiar do vento bandido
que, de sentimentos despido, 
lhes tirou a Primavera.

 

Lírios roxos cantando,
Rosas murchas chorando
Melodias de amor, de madrugada.

 

17 comentários

Comentar post