Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Conta-me Histórias

' O Homem é sempre um contador de histórias. Vê tudo o que lhe acontece através delas. E, ele tenta viver a sua vida, como se estivesse contando uma. ' (Jean-Paul Sartre)

Conta-me Histórias

' O Homem é sempre um contador de histórias. Vê tudo o que lhe acontece através delas. E, ele tenta viver a sua vida, como se estivesse contando uma. ' (Jean-Paul Sartre)

Cerca-te de Pessoas que Te Inspirem

 

Pessoas. Terás sempre pessoas ao teu redor. As certas e as erradas.

 

Serás obrigado a aprender a escolher entre quem te vai influenciar positivamente e entre aqueles que pouco, ou nada, te acrescentarão. Serás obrigado a perceber quem são as pessoas que te elevam e quem são os negativos que te enfraquecem.

Chegará o dia em que sentirás necessidade de te rodear de pessoas mais inteligentes do que tu. E de sentir - apenas - as energias mais positivas e gratificantes, capazes de te acrescentar valor à vida. Pessoas que elevam, que te desafiam e te estimulam o pensamento, aguçam a sede de conhecimento e são uma lufada de ar fresco quando falamos em mentalidade. Pessoas com a capacidade de te fazer olhar para o mundo de forma diferente e, cujo caráter, segue uma linha idónea, a par do teu. Pessoas cuja presença seja um contributo para que te possas tornar, a cada novo dia, alguém melhor.
Pessoas que sabem utilizar tão bem o cérebro, quanto o coração. E estão contigo (e por ti) sem qualquer obrigação.

 

Estas são as tuas pessoas. Fundamentais para o teu crescimento e desenvolvimento pessoal. Para que a tua inquietude seja uma característica construtiva e jamais te impeça de respirar fundo e enfrentar os desafios naturais da vida.

São, também, quem te fará aprender que aquilo que recebes não será mais do que apenas o eco daquilo que emites. E que os locais que frequentas e o teu ciclo de influências interferem directamente com
o teu astral.

 

Quem queres ser? Quais são os teus sonhos e metas?
Quem são os que contribuem - sempre - para lá chegares e quem são aqueles que te desviam do caminho? Ou se ausentam nos momentos mais críticos?

Cabe-te a ti escolher as pessoas com quem te relacionas e saber atribuir-lhe o grau certo de importância e influência na tua vida.

 

Cabe-te a ti saber escutar o coração, mas é também teu dever saber ouvir as vozes certas. (As que te dizem o que precisas de ouvir e não aquilo que gostavas que te dissessem).

 

 

Há quem por ti passe tal como vês o tempo passar. E há quem com o tempo fique, ou ganhe um lugar para ficar.